sábado, 7 de outubro de 2017

Caravana Lula em Minas Gerais

Lula visitará o Estado de Minas Gerais no mês de outubro em sua nova caravana pelas cidades do Brasil. Entre as principais cidades a serem visitadas estão Ipatinga, Governador Valadares, Teófilo Otoni, Araçuaí, Montes Claros, Diamantina e Belo Horizonte. 


Depois do sucesso da caravana Lula no Nordeste onde foi recebido por milhares de simpatizantes por onde passava, Lula decide fazer a sua segunda caravana nas cidades mineiras. A decisão foi tomada pelo próprio ex-presidente que define Minas Gerais como um estado que representa um pouco de cada região do Brasil. 

A sua visita iniciará no dia 23 de outubro na cidade de Ipatinga, no dia 24 será realizada uma atividade na cidade de Teófilo Otoni e no dia 30, após passar por inúmeras cidades, a caravana será encerrada na cidade de Belo Horizonte, a capital mineira. 

O que se espera mais uma vez é que Lula seja recebido por multidões por onde passar. Ele hoje é o político mais popular do Brasil e um dos poucos que tem condições de andar abraçado ao povo nas ruas do país. Além disso, nessas regiões o seu governo deixou inúmeros legados para a sociedade mineira.

Os legados de Lula nas regiões visitadas

Além de todos os benefícios que os seus programas voltados para o social trouxeram para a população mineira como o Bolsa Família que retirou milhões de pessoas da fome, especialmente na região norte e nordeste do Estado, o governo de Lula trouxe também outros importantes ganhos para a população da região. 

Na região dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri, por exemplo, foi inaugurada durante o seu governo a Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM)  que trouxe desenvolvimento e acesso à educação para milhares de moradores da região. As pessoas que conhecem a história da instituição afirmam que a instauração da UFVJM nas cidades de Diamantina e Teófilo Otoni se deu por uma decisão do próprio presidente que tinha interesse em desenvolver essas regiões através da educação pública federal. As duas cidades serão visitadas pela caravana.

Além disso, ainda na área da educação, as regiões norte e nordeste do estado foram beneficiadas com a implementação de diversos Campus de Institutos Federais de Educação, muitos deles, durante o governo Lula e outros durante o governo Dilma que prosseguiu com os avanços na área da Educação Federal nas regiões mais carentes do país. 

No campo da saúde, o SAMU que salva a vida de inúmeros cidadãos mineiros diariamente foi implantado também durante o governo Lula. Antes do programa muitas pessoas tinham dificuldades de serem transportados em casos de acidentes ou outros traumas graves devido à precariedade dos equipamentos utilizados causando muitas perdas de vidas que poderiam ser evitadas com um transporte em um equipamento mais adequado. 

A cidade de Itinga, outra que será visitada pela caravana, foi beneficiada com uma ponte de concreto prometida por Lula ainda na sua primeira campanha eleitoral de 2002 e depois de ser eleito em 2003. No ano de 2004 foi inaugurada a obra, uma das primeiras do seu mandato. A construção da ponte era um pedido antigo da população que tinha que atravessar o rio de barco para ter acesso a outros pontos da cidade. Inicialmente a construção foi denominada de ponte Lula pela câmara dos vereadores, entretanto, a pedido do então presidente da República, que agradeceu a homenagem, mas não queria criar polêmica, teve o seu nome alterado. 

Esses são alguns dos exemplos entre os vários programas adotados pelos governos Lula e Dilma na região que melhoram a situação de vida dos moradores das regiões visitadas, os demais que cabem atenção são: O Luz Para Todos, que beneficiou milhares de moradores da zona rural do Estado, O Programa Minha Casa Minha Vida, o PRO-UNI e o Água Para Todos que instalou milhares de cisternas na região que sofria imensamente com a seca.

Objetivos da Caravana

Segundo os organizadores o principal objetivo da caravana é ouvir a população sobre os problemas que tem enfrentado e a partir dessa análise produzir um programa de governo que possa abarcar as principais demandas apresentadas pela população. 

Por outro lado, como a caravana do Nordeste foi um sucesso, demonstrando um impacto muito grande nas redes sociais e aumentando a popularidade do presidente Lula nas intenções de voto na pesquisa realizada logo após a sua realização, outro objetivo da ação é demonstrar que a figura de Lula está presente e forte no cenário nacional, capitaneando apoio popular para uma possível candidatura em 2018.

A Caravana contará também com a presença de outras figuras políticas do PT como a ex-presidente Dilma Rousseff que pode se candidatar para senadora pelo Estado de Minas Gerais, Fernando Pimentel que tentará a releição para governador do estado e outros Deputados Estaduais e Federais que certamente estarão no palanque com Lula nas cidades visitadas. A cidade de Teófilo Otoni tem o prefeito Daniel Sucupira que é do mesmo partido do ex-presidente (PT) e certamente estará ao seu lado na atividade realizada na cidade. A visita a Teófilo Otoni ocorrerá no dia 24 de outubro a partir das 16 horas na praça principal da cidade.

Cabe agora esperar os resultados dessa caravana nos próximos dias, pois ela dará um termômetro do apoio popular que Lula possui no Estado. Como o próprio ex-presidente afirmou o estado de Minas Gerais tem um pouco de cada região do país, ao sul representa características da população sul do Brasil, ao Leste apresenta características muito próximas do Estado do Rio de Janeiro e Espirito Santo, a Oeste tem características parecidas com o Centro Oeste brasileiro, enquanto o Norte e Nordeste do Estado de Minas representam muito bem o Norte e Nordeste do Brasil. Portanto, na visita, especialmente, às cidades mais ao norte do Estado pode-se esperar uma participação massiva de simpatizantes do ex-presidente.

Anderson Silva